sábado, 25 de junho de 2011

ARRAIÁ DO CEACO 2011 foi um sucesso, mais uma vez! Obrigado por sua participação!








Projeto do Colégio Estadual Aristides Cedraz é divulgado em Seminário Internacional

O Projeto “Comunicação Interação e Aprendizagem: uma Experiência com as Novas Tecnologias do Ensino Médio” desenvolvido há cerca de dois anos por estudantes do 2º ano do ensino médio, no Colégio Estadual Aristides Cedraz de Oliveira, localizado no município baiano de Ichu, teve oportunidade de divulgação no cenário nacional e acadêmico.
O projeto de autoria do diretor da escola, Edivan C. de Almeida e da mestranda em Estudos Lingüísticos pela UEFS, Huda da Silva Santiago, foi apresentado pelo próprio diretor durante o VI Seminário Internacional "As redes educativas e as tecnologias: práticas/teorias sociais na contemporaneidade” promovido pela UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, entre os dias 6 a 9 de junho último, encontro que contou com mais de 1000 participantes inscritos e 400 artigos publicados no evento.
Na oportunidade foram realizadas sessões de comunicações, oficinas, conferências e mesas-redondas com educadores-pesquisadores brasileiros a exemplo de Marco Silva autor de várias pesquisas e livros sobre educação online e internacionais como Michel Maffesoli (sociólogo francês considerado um dos fundadores da Sociologia do cotidiano), André Pachod (IUFM Alsace/França), Jacques Wallet (Universidade de Rouen) e William Pinar (Universidade de British Columbia/Canadá - pesquisador sobre currículo).

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Meio Ambiente é tema de Apresentações Teatrais


   Aconteceu no CEACO, no dia 20 de abril, várias apresentações teatrais, nos turnos matutino e vespertino, mostrando como o nosso planeta pede socorro.
Após as reflexões sobre o meio ambiente realizadas nas aulas e aproveitando o tema da Campanha da Fraternidade 2011, Fraternidade e a Vida no Planeta, as turmas de 1º e 3º anos apresentaram peças teatrais mostrando os problemas que a natureza tem enfrentado. 
Por Marta e Ludmila 

Estudantes do CEACO recebem kit de fardamento


        Neste ano o Estado da Bahia distribuiu aos alunos da rede estadual fardamento e mochilas novas. As duas camisas que compõem o kit básico trazem impresso o Brasão de Armas do Estado da Bahia, representando as figuras do trabalho e da República, de mãos enlaçadas sobre um escudo impresso. Da proa de uma embarcação, um marinheiro está apontando para a terra próxima, numa alusão ao descobrimento do Brasil.
        A estrela simboliza o Estado da Bahia como timbre. Já o escudo em azul, traz uma embarcação de vela, a bandeira da República levantada, a imagem de um marinheiro acenando com um lenço branco e, ao fundo, se vê o Monte Pascoal, lugar do primeiro registro visual de terra pela esquadra de Pedro Álvares Cabral.
       As fardas têm por objetivo padronizar os alunos das escolas estaduais. Para identificar a que comunidade escolar os alunos pertencem cada escola colocou seu escudo.
       Já com o escudo da escola, o kit foi entregue para cada aluno do CEACO no dia 28 de março, contendo uma mochila e duas blusas, uma de cor branca e a outra de cor azul. De acordo com o diretor Edivan Carneiro, será obrigatório o uso do fardamento, porém será permitido aos estudantes do 3º ano o uso da farda comemorativa criada por eles.
       Esse investimento da Secretaria de Educação do Estado da Bahia ficou em torno de R$ 19,2 milhões. O kit recebeu várias críticas dos alunos. Alguns gostaram e outros não. Para alguns estudantes o kit ajudou muito as pessoas que não têm condições para comprar suas fardas.

                                                                            Por Naylla Ramos, Henrique Carneiro

Mobilização Contra a Dengue


No dia 14 de março, pela manhã, foi realizado aqui em Ichu o Dia D, dia de combate a dengue. Nesse dia a Secretaria de Saúde do município convidou todos os estudantes das escolas municipais e estudais para participarem de um mutirão em combate a dengue que saiu pelas ruas e casas recolhendo todo o lixo que pudesse juntar água. No mutirão foram distribuídos sacolas plásticas e luvas para os estudantes que saíram recolhendo lixo e conscientizando os moradores do perigo que esse mosquito traz.
Nas casas que não foram encontrados nenhum perigo, receberam um adesivo e os parabéns dados pela equipe.
O objetivo desse mutirão foi mobilizar a comunidade para o risco que a dengue pode trazer, e mostrar que tudo cuidado com esse mosquito é pouco.
A nossa escola juntou-se ao mutirão de combate à dengue com a participação dos alunos do matutino e de alguns professores.
                                                      
Por Cananda e Dayana Dara



CEACO realiza posse do Colegiado


         No dia 02 de março, nos reunimos no pátio de nossa escola para a posse do colegiado. Da equipe anterior estavam presentes os representantes dos seguintes segmentos: Ayala/estudante, Anaildes/comunidade, Huda/professores, Edivan, Batista/direção. Do novo colegiado estavam presentes Renildes, representante dos pais, Ivan representante dos funcionários, Jadiane representante dos alunos e sua suplente Chirle.
           A professora Huda explicou sobre o que é e quais as funções do colegiado. Ayala falou sobre o seu papel desenvolvido com sucesso no colegiado, onde ela atuou por dois anos, e parabenizou a nova titular Jadiane. Por fim os novos membros assinaram o termo de posse.

Por Javson e Marta

Nossa Escola de Cara Nova


Percebemos que esse ano veio repleto de novos rostinhos, e não são os calouros. Por causa de algumas escolhas e novas conquistas o colégio acolheu de braços abertos “novos professores”.
A professora Nadja teve que se afastar da escola, para cuidar do seu futuro bebê, então o seu cargo de professora de geografia foi ocupado pela nossa querida Valmirene. Mas, não foi só ela que deu as caras, as professoras Elívia, Edilma e Fernanda ganharam um cantinho aqui no colégio, e isso modificou os nossos horários.
Só nesse ano já tivemos dois horários, e esse é o terceiro.
Também, com a saída de Edvaldo (Grande), ganhamos mais duas funcionárias que não podem ficar de fora, são elas: Carmélia (tia Cal) e Neuzita.
Enfim, a escola não tem um Ph.d para cada matéria. Sabe o que pode acontecer. Sonhos podem se realizar, imprevistos acontecem, novos caminhos podem aparecer. Isso vai modificar horários e temos que nos adaptar.
Por Maurício Pereira