terça-feira, 30 de julho de 2013

ICHU 51 ANOS DE EMANCIPAÇÃO

Havia por volta de 1920, uma fazenda chamada Enxu, pertencente ao fazendeiro Joaquim Lazaro Carneiro, baiano, casado com Dona Umbelina Maria Carneiro no distrito de Candeal, município de Riachão do Jacuípe no Estado da Bahia. O nome Enxú designa casa de vespas servindo de intitulativo a fazenda foi grafado mais tarde erroneamente quando na utilização nos documentos legais que daria fórum administrativo ao município de Ichu.
Na época que começa erra narrativa 1920, surge na vila de Candeal por volta de 1924 mais ou menos, a Igreja Batista tendo como seu pastor um Senhor de nome Gasparino. A incompatibilidade religiosa provocou logo brigas e discussões. Certa vez os protestantes invadiram a Igreja Católica na hora da missa e apanharam-no o padre e o puseram para fora. Houve então lutas corporais entre os ligantes tendo os moradores da fazenda Enxu participando ativamente dos entreveros.
Mais tarde vendo os Católicos que o padre se achava impotente para dominar o entusiasmo dos protestantes já acobertados pelo srº Alváro Lobo que era muito conceituado e chefe da vila, foram deixando de ouvirem as missas e outros atos religiosos na vila de Candeal, pedido ao padre para escolher outro local para celebrar esses atos, e o padre escolheu então a fazenda Enxu. Então compraram um par de sino e puseram na fazenda.
No ano seguinte começaram a a surgir as primeiras casas de povoado que se iniciava. No ano de 1926 deram início a construção de uma capela, que deram o nome da Capela do Sagrado Coração de Jesus. Para solucionar o problema que consistia no desejo que tinha, Joaquim Lázaro, em construir a capela dentro da moradia, contra os outros católico que não aplaudiram tal capricho.
A rivalidade entre o povo de Enxu e os moradores de Candeal, mesmo que foi objeto de separação de 1926, continuou a existir depois de 1935 quando Ichu já era Distrito de Paz. O despeito continuou até a data em que ambos distritos foram inclusos entre os municípios brasileiros.Assim a emancipação de Ichu se deu pela lei n° 1766 de 30 de julho de 1962.

Por: Lisiane de Oliveira, Paulina Hana e Fathyma Eduarda.


quarta-feira, 17 de julho de 2013

SÃO JOÃO 2013

No Dia 15 de Junho de 2013, foi realizado o São João do CEACO na quadra esportiva do colégio.
A arrumação ficou por conta da turma do 1º ano matutino com o tema "Respirando a Alegria no Sertão". Como de costume aconteceu a alvorada às 05:00h da manhã com a participação de alunos, professores, funcionários e pessoas da comunidade, relembrando-os da grande festa que aconteceu a noite, a partir das 21:00h com a quadrinha animada e coreografada, deixando o público bastante animado, tendo como atração inicial a banda Musical Eventos e logo em seguida Elmo Carneiro.


Por: Fathima Eduarda, Lisiane Oliveira, Paulina Hanna, Rafaela e Uanderson.







CEACO realiza oficinas do AVE


Este mês irá acontecer em nossa escola as oficinas do AVE (Artes Visuais Estudantis), em que os alunos ira se expressa sua criatividade na pintura em tela.


Por: Josileide Santos